FANDOM


Rannoch

Planeta Rannoch

Embora o seu sol alaranjado seja apenas cerca de 90% da massa do Sol e metade do luminoso, Rannoch1 é árido pelos padrões da Terra porque se formou mais perto da sua estrela e tem uma cobertura marinha ligeiramente inferior. A vida fotossintética está concentrada em torno dos rios e oceanos, com grandes extensões de deserto no meio. A importância da vida vegetal e da sombra na antiga cultura quariana é evidente na tradução do nome de Rannoch - "jardim murado".

Para os sensores de uma nave espacial, a característica mais óbvia do planeta de origem é as numerosas fontes de calor em órbita. Milhares de estações espaciais geth vigiam o planeta. Em algum lugar deste enxame artificial de construções se esconde a armada geth, esperando por seu momento para contra-atacar.

Entrada no CodexEditar

O planeta Rannoch, um planeta árido que orbita uma estrela mais antiga no sistema Tikkun, é o antigo planeta natal dos Quarians. Quase trezentos anos atrás, os quarians foram expulsos de Rannoch pelos Geths, servos sintéticos que ganharam inteligência e se rebelaram contra seus criadores. Embora Rannoch esteja agora em grande parte desabitado, os geths agiram como zeladores, trabalhando para reparar a ecologia do planeta, restaurar estruturas antigas e cultivar algumas terras agrícolas.

Rannoch não tem insetos. Como resultado, suas plantas polinizadoras evoluíram para se basearem em animais para propagação. Essa simbiose entre a flora e a fauna é responsável pelo enfraquecimento do sistema imunológico dos quarians, que tornou a colonização de outros planetas extremamente difícil após o exílio de Rannoch. Para muitos quarians, recuperar seu planeta natal a partir dos geths é uma questão de necessidade cultural e fisiológica.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.